Número total de visualizações de página

domingo, 28 de fevereiro de 2010


o domingo oprime o trabalho

lá fora chove

não tenho roupa para tirar do estendal

que prazer não ser

coçar os olhos

só isso

ou tirar burriés com o dedo mínimo

moluscos de ranho


um xaile pelas costas

e o meu cérebro uma massa gelatinosa em lume brando